Páginas

Frio

Hoje está frio.
E qual a melhor parte do frio?
Senti-lo.
O vento penetra a carne, o sangue, a alma (se eu ainda a tenho)
Congela o cérebro.
E a fala treme.
E o pulso acelera.
E o pálido ar,
E essa dor ríspida na epiderme,
De alguma forma que não consigo explicar,

Me aquece.

2 comentários: